Seguidores

ESPALHO POEMAS EM SEU CAMINHO COMO FLORES PARA OFERECER-LHE MAIS BELEZA

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

A BENÇÃO DA VIDA


A alegria dos pássaros e das crianças
Enche-me de encantamento!
A beleza das flores e das matas
Traz-me, nas horas de aflição,
Um doce alento...
Tudo isso renova-me a esperança
De ainda poder gozar da vida
Essa graça que nos é presenteada.
Toda a beleza que encontro
Nas loucas utopias,
De  todas as artes,
Desperta-me para novos dias
Que nutrem meus sonhos dourados!


terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

LIBERTAÇÃO



Como pássaro ferido
O poeta voou...
Voou em busca do Amor
Que sempre anelou.
E lá ele decerto encontrou
Aquele que sempre abraça
Os filhos queridos
Que ao Lar retornam.
O poeta nos deixou
E a dor de sua ausência
Sempre haverá de doer,
Mas, seu perfume ficou!...
E sua chama de pureza
Entre nós haverá sempre de arder!

Em memória de José Geraldo Mendonça Júnior


sábado, 7 de fevereiro de 2015

CARNAVAIS DO PASSADO


Ah! Carnavais do passado!...
Tão cheios de alegria,
Olhares furtivos  lançados 
Para os seres desejados... 
Romances passageiros de folia...
Confete, serpentinas e lança-perfume...
Gostosas marchinhas,
Que nos enchem o peito de saudade...
Ah, belos carnavais!
Tempos de romantismo,
Que não voltam mais...
Eu era tão feliz e bem sabia!
Nas madrugadas,
Já cansados,
Saíamos em turma dos clubes,
Como alegres colibris,
Sonhando com outros dias!...
Belos carnavais
De um tempo que não volta mais...

domingo, 1 de fevereiro de 2015

A MOÇA NA JANELA



Debruçada à janela,
A moça triste vê a Vida passar.
Só pode perceber a tela,
Pois a beleza da pintura lhe escapa...
Nunca compreendeu que o Amor
É semente que se planta
Para lá na frente se colher.
Se a solidão lhe povoa a alma
É porque é vazio o seu mundo interior.
Saia, moça, da janela!
E venha dançar a dança da Vida,
Que acontece lá fora!
Venha encher de cores essa tela
Para de fato viver!
Ponha um sorriso no rosto
E vista-se de princesa, 
Colombina ou camponesa!

MEU LIVRO DE POESIA

MEU LIVRO DE POESIA
MEU LIVRO DE POESIA