Seguidores

ESPALHO POEMAS EM SEU CAMINHO COMO FLORES PARA OFERECER-LHE MAIS BELEZA

domingo, 17 de julho de 2016

ÂNSIA








Gosto de poeira e pedra
nesta caminhada transitória
Face de suor e lágrimas,
olhar de fogo e luz
neste triste promontório...
Tudo que a outros seduz
a mim me enoja...
Quero céu, quero o infinito!
Quero luz e compreensão!
Quero um amor bendito
que me apazigue o coração.
Só peço isto da vida:
Amor e Paz!
E este caminho somente eu mesma
posso trilhar...

quinta-feira, 12 de maio de 2016

DESCOBERTA


Não quero raízes
que me prendam ao chão.
Quero ser livre e voar,
pois se tem asas o meu espírito
é porque meu destino está no alto.
Não quero que me digam 
o caminho a seguir,
pois o caminho
eu mesma o forjarei.
Não quero que me ditem leis,
pois elas estão 
na própria natureza
e moram no meu coração.
Não quero "verdades" pré-estabelecidas
e repudio todos os seus donos.
Não quero que me atem
e me matem
quado acabo de nascer...

quarta-feira, 11 de maio de 2016

REFÚGIO


Ó minh'alma,
que força é esta
que ainda faz vibrar-te
dentro do cansaço
e da dor?
Que horizonte perscrutas,
que amanhã ainda vive
dentro da tua esperança?
Não será na terra dos homens
que encontrarás teu porto,
pois no desamor
e no egoísmo
cresce a angústia,
o tédio e a solidão.
As palavras e os gestos,
então, se perdem,
as muralhas se agigantam
e se fecham os corações.
Busca, pois, em Deus
o teu refúgio.                                                                                                                                                                                                                      

terça-feira, 26 de abril de 2016

FIM


Virás, um dia,
ao meu encontro,
bem sei.
Quando o véu da morte
descer sobre mim, 
haverei, por fim,
de contemplar-Te o Rosto.
E compreenderei
toda a angústia,
toda a nostalgia
e todo o pranto
de que foi cheia a minha vida...
Compreenderei
a saudade sem nome
e o amor sem endereço
que viveram sempre
dentro de meu peito.
Encontrarei, então,
a terra de minha esperança,
a paz de meu sonho,
a razão da lembrança
que vivia em meus versos...

domingo, 24 de abril de 2016

VISÃO


Vi uma terra diferente
em que todos eram irmãos,
onde reinava o Amor,
a Paz e a Compreensão.
Uma terra sem guerras,
sem dores e misérias,
campos de rara beleza.
rios, mares, fonte, lagos,
pássaros e flores
de cores desconhecidas,
que artista algum
jamais sonhou.
O homem estava transfigurado
como Jesus no Tabor,
figura doce de anjo,
parecendo recém-saído
das mãos do Criador!

pintura de Van Gogh

sexta-feira, 22 de abril de 2016

MUSA TRISTE

Enquanto houver amor e saudade,
alegria e esperança,
chuva, estrela, praia, areia,
pássaro, flor e criança,
sempre haverá canto.
Enquanto houver em mim
um único sopro de vida,
haverei de fazer versos.
E, enquanto houver
criança chorando
e países em guerra,
meus versos serão tristes...

quarta-feira, 13 de abril de 2016

DESENCANTO


Perdi-me no oceano
de minhas próprias emoções 
sem jamais encontrar um porto
no cais seguro da razão.
Naveguei por mares estranhos
e fui dar a praias desertas
que fizeram crescer minha solidão...
Ameaçada por tempestades,
fustigada pelos ventos,
pela água, pelo sal,
quedei-me, por fim, inerte
nos recessos de meu coração.
E o meu cansaço
e o meu desencanto 
tornaram-se versos
cheios de pranto...
                                                                                                           

MEU LIVRO DE POESIA

MEU LIVRO DE POESIA
MEU LIVRO DE POESIA