Seguidores

ESPALHO POEMAS EM SEU CAMINHO COMO FLORES PARA OFERECER-LHE MAIS BELEZA

sábado, 2 de novembro de 2013

REVELAÇÃO

Enquanto caminhei pela vida
sem saber o meu destino,
vaguei perdida e cansada 
na noite dos séculos...
Mas, quando esquecida
de mim mesma , 
ouvi a voz do Silêncio
e senti a dor 
do companheiro de jornada,
descobri um novo mundo
nos subterrâneos do meu ser...
E, ao encontrar-me,
encontrei a Verdade,
que morava em mim,
desde o instante da Criação!...

Um comentário:

  1. OLá, Lu. Um lindo poema! Gostei muito da imagem. O amor é a certeza de que não estamos só. Adorei! Abraços e boa semana.

    ResponderExcluir

MEU LIVRO DE POESIA

MEU LIVRO DE POESIA
MEU LIVRO DE POESIA