Seguidores

ESPALHO POEMAS EM SEU CAMINHO COMO FLORES PARA OFERECER-LHE MAIS BELEZA

quinta-feira, 9 de março de 2017

VELHICE


Vergada pelos anos
Num monólogo triste
Ela busca lembranças
Que a confortem
Mas o Tempo
Como um vento
Que a tudo varre
Desvanece-lhe as imagens...
E o soluço sufocante
Fecha-lhe a garganta.
A solidão pesa e tortura
E só Deus pode ouvir
Seus gemidos presos no peito
Vai longe o berço que embalava
E os sonhos por quê lutava...
Hoje, apenas essa velha
Que caminha devagar
Em direção a um futuro
Que não existe aqui...

Um comentário:

MEU LIVRO DE POESIA

MEU LIVRO DE POESIA
MEU LIVRO DE POESIA