Seguidores

ESPALHO POEMAS EM SEU CAMINHO COMO FLORES PARA OFERECER-LHE MAIS BELEZA

quarta-feira, 8 de abril de 2015

SEDE DE AMOR


Onde estás, amor de minh'alma?
Em que estrela, em qual rincão?
Sem ti dói meu coração.
Sem ti o Inverno toma conta de mim
E o céu já não tem brilho
E a estrada não tem fim...
Quem és tu, amor de minh'alma,
Que ilumina meu caminho,
Enche-me de esperança 
E coloca o sorriso em minha face?
Ah, amor, onde tu te escondes?
Deixando minhas noites frias
E me doando a solidão?
Tu existes em algum canto do universo
Ou és apenas um delírio
De uma alma sedenta de amor?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MEU LIVRO DE POESIA

MEU LIVRO DE POESIA
MEU LIVRO DE POESIA